domingo, 27 de fevereiro de 2011

Rubras lágrimas












Da chaga aberta do coração
transpassado pelas lanças da vida,
gotejam rubras lágrimas
que caem sobre a humanidade corrompida.

E gotejam
gotejam
gotejam
goteja
gotej
gote
got
go
g
g

g

g

Gotejam até o coração esvair-se por completo,
num profundo e eterno ato de Amor.

Um comentário:

  1. Bem bom o site!
    Parabéns pelo estilo!

    http://leia-atentamente.blogspot.com/

    ResponderExcluir